Conheça Clarice Lispector

Conheça Clarice Lispector

Foi uma escritora e jornalista ucraniana naturalizada brasileira, reconhecida como uma das mais importantes escritoras do século XX. Aprendeu a ler e escrever muito nova e logo começou a escrever pequenos contos. Os romances inovadores e a linguagem altamente poética de Clarice, fizeram parte do terceiro tempo modernista.

Clarice Lispector nasceu em 10 de dezembro de 1920, em Tchetchelnik, uma aldeia da Ucrânia, então pertencente à Rússia. Filha de Pinkouss e Mania, de origem judaica. Em março de 1926, a família veio para o Brasil, moraram por um período em Maceió. Por iniciativa de seu pai, todos mudaram seus nomes. Nascida Haia Lispector, passou a se chamar Clarice Lispector.

Com 12 anos, Clarice mudou-se com a família para o Bairro Tijuca, no Rio de Janeiro. Ingressou no Colégio Sílvio Leite, e era frequentadora da biblioteca.

Após terminar o segundo grau, em 1941, Clarice ingressa na Faculdade Nacional de Direito, e começa a trabalhar como redatora na Agência Nacional. Na sequência, passa para o jornal “A Noite”. Em 1943, termina seu romance “Perto do Coração Selvagem”. No mesmo ano em que se casou com um amigo da sua turma, Maury Gurgel Valente. Recebeu o Prêmio Graça Aranha, em 1944, com a publicação desse livro.

Os dois viajaram para Nápoles, na Itália. A Europa estava em guerra, e por isso, Clarice trabalha como voluntária de assistente de enfermagem no hospital da Força Expedicionária Brasileira. Mesmo assim, continuou escrevendo e publicou alguns livros na sequência. Em 1949 nasceu seu primeiro filho Pedro, em 1953 mudou-se para os Estados Unidos e nasceu seu segundo filho, Paulo.

Com a separação do seu marido, acompanhada de seus filhos, Clarice retorna ao Rio de Janeiro, em 1959. Começa a trabalhar no Jornal Correio da Manhã, assumindo a coluna "Correio Feminino", Trabalha no Diário da Noite com a coluna "Só Para Mulheres" e no mesmo ano, lança Laços de Família, livro de contos que recebeu o Prêmio Jabuti da Câmara Brasileira do Livro.

A obra “Hora da Estrela”, o romance ganhou uma versão cinematográfica, dirigida por Suzana Amaral em 1985, que conquistou os maiores prêmios do festival de cinema de Brasília.

Clarice Lispector faleceu no Rio de Janeiro, no dia 9 de dezembro de 1977, um dia antes de seu aniversário.

 

Outras obras e prêmios de Clarice: 

- 1946“, O Lustre”;

- 1949, “A Cidade Sitiada”;

- 1952; dedicou-se à contos, publicando “Alguns Contos”

- 1954, foi publicada a obra “Perto do Coração” em francês;

- 1961, “A Maçã no Escuro”, recebeu o prêmio de melhor livro do ano em 1962.

- 1967, “O Mistério do Coelhinho Pensante”

- 1976, pelo conjunto de sua obra, Clarice ganhou o primeiro prêmio do X Concurso Literário Nacional de Brasília.

-1977, Clarice Lispector escreveu “Hora da Estrela”, sua última obra publicada em vida.